Hipócrates

Médico grego

Médico Grego Hipócrates
Hipócrates foi um médico grequenascido na cidade grega de Kos em cerca de 460 A.C. Ele é considerado o fundador da medicina moderna, e é conhecido como o “Pai da Medicina”.
As contribuições de Hipócrates para a medicina foram inestimáveis. Seus trabalhos mais conhecidos foram coletados em um livro chamado de “Coletânea de Hipócrates”, que foi escrito em cerca de 400 A.C. Este livro continha suas observações sobre as doenças, o diagnóstico e o tratamento de várias doenças. Hipócrates também acreditava que as doenças eram causadas por fatores ambientais, como temperatura, umidade e ar mais quente ou mais frio.

Um dos principais ensinamentos de Hipócrates era o princípio da "fototerapia". O princípio da fototerapia significa que a luz do sol é essencial para a saúde humana. Hipócrates acreditava que a luz solar ajudava a curar diversas doenças. Ele acreditava que usar a luz solar era mais importante do que usar qualquer outro tipo de tratamento medicamentoso.

Outra contribuição importante de Hipócrates foi a introdução do conceito de "prevenção". Ele acreditava que era melhor prevenir doenças do que tratá-las. Ele observou que algumas doenças eram causadas por falta de higiene e que as pessoas deveriam tomar medidas para evitar estas doenças.

Ao longo dos séculos, muitos dos escritos de Hipócrates ainda são considerados relevantes para a medicina moderna. O juramento de Hipócrates, que é usado até hoje, é um exemplo do uso continuado dos ensinamentos de Hipócrates.

Hipócrates ainda é lembrado pelas suas grandes contribuições à medicina. Sua influência na medicina ainda é sentida muitos séculos após sua morte. Seus ensinamentos e princípios ainda são relevantes para os médicos modernos.
Hipócrates