Luís XVI da França

Foi rei da França

O Rei Luís XVI da França foi um monarca da dinastia Bourbon que governou o país entre 1774 e 1792. Durante sua vida, ele enfrentou importantes mudanças políticas, culturais e intelectuais no país, culminando com a Revolução Francesa, em que o rei foi derrubado e perdeu seus poderes.

Luís XVI ascendeu ao trono aos 20 anos de idade e, durante seu reinado, enfrentou a pobreza, a desigualdade social e a oposição política no país. Em 1789, a Assembleia dos Estados Gerais foi convocada, reivindicando mais poderes e limitando os privilégios reais.

O rei respondeu às exigências reformadoras, mas ele e sua esposa, Marie Antoinette, eram vistos pelos franceses como representantes da corrupção e da aristocracia. Em 1793, Luís XVI foi preso e, em seguida, julgado e condenado à morte.

Sua execução em 21 de janeiro de 1793, marcou o início do governo republicano da Primeira República Francesa. Durante sua vida, Luís XVI comandou a construção do Palácio de Versalhes, que tornou-se símbolo da autoridade real na França.

Apesar de não ter conseguido evitar a Revolução Francesa, o reinado de Luís XVI foi importante para o desenvolvimento do país. Ele permitiu que a França progredisse a nível de educação, saúde e comércio, o que ajudou a preparar o país para a modernidade. Hoje, o rei Luís XVI é lembrado como um monarca bem-intencionado que procurou expandir as liberdades civis e melhorar as condições de vida na França.
Luís XVI da França
Nascimento: 23 de agosto de 1754

Local: Palácio de Versalhes

Morte: 21 de janeiro de 1793 aos 38 Anos

Causa: decapitação

cônjuge Maria Antonieta
país de nacionalidade França