Raul Pompéia

Escritor brasileiro

O Escritor Brasileiro Raul Pompéia foi, sem dúvida, um dos mais importantes escritores brasileiros da virada do século XIX para o século XX. Nascido em São Paulo em 1876, Raul Pompéia, desde muito jovem, foi envolvido com a literatura brasileira. Suas obras abordavam temas variados, como críticas à sociedade da época e às injustiças sociais e econômicas.

Raul Pompéia foi ainda grande defensor da cultura e arte brasileira. Seu interesse na história, cultura e folclore brasileiro eram muito grandes e isso influenciou profundamente sua obra literária. Alguns dos seus poemas mais famosos incluem "O Canto do Lavrador", "O Passo da Ema" e "O Navio Negreiro". Além disso, Raul Pompéia escreveu uma série de peças teatrais que também foram grandemente influenciadas pelos elementos folclóricos brasileiros.

Raul Pompéia foi um grande defensor da língua portuguesa. Ele defendia a tese de que a língua portuguesa era uma língua mais simples de se aprender e entender, e temia que o inglês fosse difundido ao extinto como forma de expressão na sociedade brasileira.

Sua obra literária não parou por aí. Em 1908, Pompéia publicou o seu romance de maior sucesso, "O Ateneu". Nesta obra, ele conta a história de uma escola em que ocorrem as mais variadas aventuras e que envolvem até mesmo personagens mitológicos.

Raul Pompéia faleceu em 1916, mas seu legado como um dos grandes escritores brasileiros ainda vive. Suas obras literárias, tanto poéticas quanto teatrais, continuam sendo lidas e estudadas por estudiosos da literatura brasileira. Igualmente, Pompéia foi um grande defensor da língua portuguesa, defendendo que esta tivesse a devida representação na cultura e na literatura brasileiras.
Raul Pompéia
Nascimento: 12 de abril de 1863

Local: Angra dos Reis

Morte: 25 de dezembro de 1895 aos 32 Anos
país de nacionalidade Brasil
obra destacada O Ateneu
formação Faculdade de Direito da Universidade Federal de Pernambuco