Ribeiro Couto

Escritor brasileiro

O escritor brasileiro Ribeiro Couto surgiu na cena literária no século XX, graças à publicação de seu primeiro livro, “A Voz de Deus no Monte Sinai”, em 1934. Dessa forma, ele passou a ser visto como um dos grandes nomes da literatura de seu país.

Ribeiro Couto nasceu na cidade de Petrópolis, em 1905. Desde muito jovem, foi um grande admirador da língua portuguesa e da literatura. Logo passou a escrever para jornais locais, enquanto trabalhava como professor.

Na década de 1930, ele publicou seu primeiro romance, “A Voz de Deus no Monte Sinai”. O livro foi um enorme sucesso e alcançou um grande número de leitores. Em seguida, foram publicados outros livros, como “Cinco Minutos de Fama” e “O Circo dos Nove”.

No período de sua maior atividade, entre 1930 e 1960, Ribeiro Couto dominou vários gêneros literários. Escreveu contos, poesias, romance, crônicas, peças teatrais e ensaios. Além disso, foi um grande intelectual ativo nas questões sociais do Brasil.

A obra de Ribeiro Couto foi reconhecida com a Medalha de Mérito Cultural, que lhe foi concedida em 1962. Além disso, o escritor também recebeu vários prêmios literários por seu trabalho.

Ribeiro Couto faleceu em 1998, deixando um legado importante para a literatura do Brasil. Sua obra continua sendo lida e estudada por várias gerações de leitores e alunos de letras. É uma das grandes contribuições que ele deixou para o país.
Ribeiro Couto
Nascimento: 12 de março de 1898

Local: Santos

Morte: 30 de maio de 1963 aos 65 Anos
país de nacionalidade Brasil
obra destacada Cabocla
formação Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo