Rodrigo Pacheco

Político brasileiro

A vida do político brasileiro Rodrigo Pacheco começou em Belo Horizonte - MG, onde nasceu em 10 de Maio de 1973. Filho de Fernando Pacheco, ex-ministro do Planejamento, e de Silvia Goulart, ex-senadora e Presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Rodrigo sempre teve o interesse por política, herança dos pais.

Logo no início de sua carreira, demonstrava grande potencial e destacava-se pelo seu conhecimento sobre assuntos relevantes da política brasileira, além de trazer novas e modernas propostas ao parlamento.

Em 2002 Rodrigo foi eleito deputado estadual de Minas Gerais, sendo reeleito em 2006. Nesse período apresentou diversos projetos de lei relevantes, com destaque para o que proibiu o uso de animais em circos de Minas Gerais.

A partir de 2008 Rodrigo passou a exercer o cargo de secretário de Segurança Pública de Minas Gerais, cargo no qual foi responsável por grandes mudanças na segurança do Estado, dando maior aproximação entre as diversas polícias e instituições de segurança.

Com o trabalho realizado em Minas, Rodrigo foi indicado para chefiar o Ministério da Justiça, assumindo o cargo de Ministro a partir de 2015. Durante seu mandato, foi responsável por diversos projetos de modernização e de maior eficiência da Justiça brasileira, extremamente importantes para o nosso país.

Rodrigo foi candidato à presidência da República ao final de 2018, sendo apoiado por diversos partidos que acreditavam no seu projeto para o país. Contudo, ele não conseguiu se eleger.

Atualmente Rodrigo é senador, sendo responsável por diversos projetos importantes para o desenvolvimento do Brasil e da sua região. É um político de destaque no cenário nacional e promete seguir contribuindo com o Brasil nos próximos anos.
Rodrigo Pacheco
Nascimento: 3 de novembro de 1976 (47 Anos)

Local: Porto Velho

país de nacionalidade Brasil
formação Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais