Rubem Valentim

Artista plástico brasileiro

O artista plástico brasileiro Rubem Valentim é um dos mais importantes nomes da arte moderna brasileira. Nascido em 1927 na cidade de Boa Vista, interior do estado do Rio de Janeiro, Valentim começou a sua carreira artística ainda na adolescência. Ao longo dos anos, ele desenvolveu uma linguagem própria, que mesclava elementos da arte concreta, informalismo, expressionismo abstrato, geometrismo e neoconcretismo.

Valentim é considerado o primeiro artista moderno da região Norte-Nordeste do Brasil. A partir dos anos 1960, desenvolveu uma série de trabalhos baseados em elementos geométricos. Estes trabalhos foram realizados com materiais variados como madeira, metal, papel e tijolo. As peças eram marcadas por formas orgânicas, cores vibrantes e contrastes harmônicos.

Durante toda a sua carreira, o artista plástico brasileiro Rubem Valentim foi premiado no Brasil e no exterior, recebendo a Ordem de Mérito Cultural, a Ordem Nacional do Cruzeiro do Sul e a Medalha Pedro Ernesto, entre outros reconhecimentos. Em 2010, o artista foi homenageado com o título de Grandes Mestres da Arte Brasileira.

Além de sua extensa produção plástica, o nome de Valentim está vinculado a diversas exposições em importantes museus e galerias no Brasil e no exterior. Dentre os principais destaques estão a Galeria do Iberê Camargo, no Rio Grande do Sul; a Pinacoteca do Estado, em São Paulo; e as galerias Centro Cultural Banco do Brasil, no Rio de Janeiro.

Até hoje, o trabalho de Valentim é referência para o universo da arte moderna brasileira. O artista plástico brasileiro Rubem Valentim faleceu em 1993, deixando para o país um legado de imagens marcantes e obras de inegável significado.
Rubem Valentim
Nascimento: 9 de novembro de 1922

Local: Maceió

Morte: 30 de novembro de 1991 aos 69 Anos
país de nacionalidade Brasil
formação Universidade Federal da Bahia