Walcyr Carrasco

Novelista brasileiro

Walcyr Carrasco é um dos principais nomes da literatura brasileira moderna. Nascido em São Paulo, em 1948, Walcyr foi um escritor prolífico em todo o seu período de atividade. Além de um grande número de novelas, Walcyr escreveu romances, contos, peças teatrais e histórias infantis.

Walcyr escreveu mais de 30 livros ao longo de sua carreira e fez parcerias literárias com outros grandes nomes, como: Rubem Fonseca, Carlos Heitor Cony, Fernando Sabino e Lygia Fagundes Telles. Suas obras foram publicadas em Portugal e Espanha, alcançando um grande reconhecimento internacional.

Walcyr também foi reconhecido por sua contribuição como autor de novelas de grande sucesso ao longo dos anos. Algumas de suas principais obras incluem: “A Queimada”, “Cidade dos Anjos”, “A Casa das Sete Mulheres”, “O Canto da Sereia” e “Amor à Vida”. Algumas destas novelas foram adaptadas para o cinema e a televisão, trazendo ainda mais destaque à obra de Walcyr.

Walcyr foi premiado várias vezes por sua contribuição para a literatura brasileira. Ele foi o vencedor do Prêmio Jabuti, que é concedido ao melhor livro brasileiro em uma determinada categoria. Além disso, Walcyr também recebeu os prêmios Shell de Literatura e Prêmio Manoel de Barros, que são dois dos prêmios literários mais importantes do país.

Walcyr Carrasco foi um grande escritor brasileiro que deixou um legado literário inesquecível. Sua obra foi reconhecida internacionalmente, tendo sido adaptada para as telas da TV e do cinema. O seu trabalho sempre se destacou pelo caráter singular e profundidade, reconhecida tanto pelos críticos literários quanto pelo público.
Walcyr Carrasco
Nascimento: 1 de dezembro de 1951 (72 Anos)

Local: Bernardino de Campos

país de nacionalidade Brasil
obra destacada Alma Gêmea
formação Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo