Zygmunt Bauman

Sociólogo polonês

O Sociólogo Polonês Zygmunt Bauman é considerado um dos mais importantes pensadores contemporâneos e figura de destaque na Sociologia contemporânea.

Zygmunt Bauman nasceu na Polônia em 1925, cresceu em meio a um ambiente social turbulento, marcado por profundas transformações na história política e cultural de seu país, resultando em níveis elevados de instabilidade, em que a vida de seu povo começou a ser revirada a cada momento.

Durante a sua universidade, Bauman foi fortemente influenciado pelo pensamento de grandes pensadores como Karl Marx, Friedrich Nietzsche, Sigmund Freud e Max Weber. O interesse de Zygmunt Bauman pela Ciencia Social aumentou rapidamente, levando-o a formar-se em 1952 com um Doutorado em Filosofia na Polônia.

Após a Segunda Guerra Mundial, Zygmunt Bauman se mudou da Polônia para a Inglaterra, onde passou a se dedicar à Sociologia. Foi durante o período da sua vida na Inglaterra, que Zygmunt Bauman desenvolveu sua teoria da modernidade líquida. Essa teoria se baseia na ideia de que, com o aumento da incerteza e da instabilidade social e política, as pessoas começam a sentir-se mais vulneráveis e desconectadas umas das outras, com as relações se tornando cada vez mais voláteis.

Zygmunt Bauman é um dos maiores críticos da modernidade. Ele acredita que existem graves falhas no modo como a modernidade é atualmente entendida e vivida, e argumenta que o modo como lidamos com essas falhas é o que determina a direção que a humanidade tomará. Além disso, argumenta que, para mudarmos o rumo do futuro, devemos desenvolver soluções que vão além de "mais do mesmo", e criar novas formas de organização social que permitam a inclusão de todos os grupos sociais.

Zygmunt Bauman foi um dos primeiros a alertar para a necessidade de uma abordagem emancipatória das sociedades modernas, o que o tornou um dos pensadores mais relevantes de sua época. Ele foi um grande defensor da igualdade de direitos, da defesa dos direitos humanos, da não-violência e da tolerância, sempre defendendo a ideia de um "mundo melhor".

Zygmunt Bauman faleceu em 2017, mas deixou um legado de pensamentos e ideias que ainda permeiam nossa sociedade e nos inspiram a pensar de forma mais profunda e humana sobre a vida.
Zygmunt Bauman
Nascimento: 19 de novembro de 1925

Local: Poznań

Morte: 9 de janeiro de 2017 aos 91 Anos
cônjuge Janina Bauman
país de nacionalidade Polónia
formação London School of Economics